fbpx

O Processo Quimioterápico de Oscar

A foto abaixo é de Oscar comemorando o Final do Ano de 2007 na cidade de Juazeiro na Bahia. Os primeiros exames já tinham indicados que ele  tinha Hepatite C e este foi último réveillon em que ele ingeriu álcool.

Na ocasião Oscar pesava 131 Kg.

Oscar iniciou o 1º  tratamento, praticamente quimioterápico,  da Hepatite C no Hospital Dia da 508/708 Sul somente no dia 06/08/2009, pois antes do tratamento teve que se submeter novamente a uma outra cirurgia cardíaca, a de Ablação do Fluxo Atrial.

Oscar parou de beber em maio de 2008 e parou de fumar em outubro de 2018.

Na época o tratamento consistia de uma injeção semanal de Interferon Peguilado e a ingestão diária de vários comprimidos de um potente antiviral chamado Ribavirina.

Veja abaixo todas as etapas do 1º tratamento que começou em 06/08/2009.

No final do tratamento, em 30/12/2010, depois de 73 semanas, os exames diziam que ele estava livre do vírus, porém, 5 meses depois o vírus reapareceu na corrente sanguínea.

No final do 1º tratamento, dia 30/12/2010, Oscar pesava 95 Kg.

Durante boa parte da gestão do Síndico Alexandre Luiz Rodrigues Alves à frente da Administração do Condomínio Ecológico Parque do Mirante, Oscar estava em tratamento, magro, sofrendo efeitos colaterais, como fraqueza, tontura, esquecimento, cansaço físico, irritação, perda de apetite, e outros sintomas esporádicos que necessitavam remédios de proteção.

Somente Alexandre, o Condômino  Bene e o casal Roberto e Maria José, sabiam da doença de Oscar, que aguentou tudo sozinho e não foi chorar na casa de ninguém.

E foi justamente no período de tratamento que estourou a crise provocada pelo Síndico que se declarou doente, portador de esclerose múltipla, nunca comprovado por meio de documentos,  e virou o “coitadinho do Condomínio”, e apoiado pela Comunidade apesar de tudo que fez.

Open chat
Olá,
Podemos te ajudar?
Powered by